Home / Lendas da Música /

Regresso ao Futuro: 50 Anos depois, White Album dos The Beatles

Regresso ao Futuro: 50 Anos depois, White Album dos The Beatles

Storymate

Em novembro de 1968 milhões de duplos LPs foram entregues às lojas de discos antes do acontecimento musical mais esperado do ano: o lançamento, a 22 de novembro, de “THE BEATLES” (que ficou conhecido como “White Album”).

Na altura com o seu nono álbum de estúdio, os The Beatles iniciaram uma nova e entusiasmante viagem musical que ficou marcada por canções clássicas como “Back in the U.S.S.R.”, “Dear Prudence”, “While My Guitar Gently Weeps” ou “Don’t Pass Me By”, a primeira canção assinada por Ringo Starr num álbum do grupo de Liverpool.

Na verdade, “White Album” foi o primeiro álbum dos The Beatles lançado pela própria editora do grupo, a Apple Records. O álbum duplo tornou-se logo um êxito de vendas, que entrou diretamente para o 1.º lugar do top de vendas do Reino Unido, mantendo-se durante oito semanas na liderança.

White Album” também entrou para o n.º 1 da tabela de vendas dos EUA, onde se manteve durante 9 semanas. Nos EUA, o álbum conquistou 19 Galardões de Platina e no ano 2000 entrou para o Hall of Fame dos Grammys.

Durante 50 anos, o “White Album” convidou os ouvintes a aventurarem-se e a explorar a amplitude e a ambição da sua música, deliciando e inspirando novas gerações.

E agora a 9 de novembro os The Beatles lançam uma reedição especial de “White Album”. Os 30 temas do álbum foram novamente misturados pelo produtor Giles Martin e pelo engenheiro de som Sam Okell em stereo e 5.1 surround áudio, juntamente com 27 maquetes acústicas e 50 sessões de estúdio, a maioria delas nunca editadas até hoje.

Esta é a primeira vez que “THE BEATLES” (“White Album”) foi remisturado e apresentado com novas maquetes e gravações de estúdio.

Esta reedição sucede à aclamada reedição de “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”, de 2017. Para criar as novas misturas em stereo e 5.1 surround áudio de “White Album”, Martin e Okell trabalharam com uma equipa de engenheiros de som e especialistas em restauração áudio nos estúdios de Abbey Road.

Todos os lançamentos do novo “White Album” incluem a nova mistura em stereo de Martin, concebida a partir das gravações originais em fita. A nova mistura de Martin é guiada pela mistura em stereo original, produzida pelo seu pai, George Martin.

 

Veja o trailer para THE BEATLES (White Album)

 

 

COMPRE A REEDIÇÃO DO WHITE ALBUM NAS LOJAS ONLINE:

LIVRARIA SARAIVA

FNAC PORTUGAL

iTUNES

AMAZON.CO.UK

AMAZON.COM

 

Os lançamentos de “THE BEATLES” (“White Album”) incluem:

Super Deluxe:

  • CDs 1 & 2: a mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”);
  • CD 3: Esher Demos;
  • CDs 4, 5 & 6: 50 gravações adicionais de estúdio, a maioria inéditas, das sessões de “White Album”. Todas foram novamente misturadas a partir das gravações originais em fita e sequenciadas segundo a data de gravação;
  • Blu-ray: Mistura de 2018 do álbum em alta resolução PCM stereo; mistura do álbum em DTS-HD Master Audio 5.1; mistura do álbum em Dolby True HD 5.1; mistura em mono original do álbum

Deluxe:

  • A mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”) o 3CD com as Esher Demos. Também disponível numa caixa de edição limitada de 4 LPs de 180 gramas.

Standard 2LP:

  • A mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”). Reprodução fiel do artwork original.

 

 

O artwork minimalista de “White Album” foi criado pelo artista Richard Hamilton, um dos principais nomes da pop art do Reino Unido.

A caixa Super Deluxe traz um livro de capa dura de 164 páginas, com reproduções dos retratos a cores de John, Paul, George e Ringo, bem como um póster com uma colagem de fotos de um lado e as letras do disco do outro lado.

O livro contém fotografias raras, reproduções das letras escritas à mão e anotações, fotos das folhas de gravação e a reprodução dos anúncios originais de “White Album”.

O livro contém ainda novos textos de Paul McCartney e Giles Martin e capítulos que detalham cada tema, bem como as sessões de gravação de “White Album”, a sessão fotográfica “Mad Day Out” de 28 de julho de 1968, o artwork do álbum, o lançamento do disco e a sua influência.

Os textos foram escritos pelo historiador dos The Beatles Kevin Howlett, pelo jornalista John Harris e pelo curador da Tate Britain Andrew Wilson.

A edição Deluxe de 3CD traz um póster e os retratos, um booklet de 24 páginas adaptado a partir do livro da edição Super Deluxe. A edição Deluxe de 4LP inclui um booklet de quatro páginas, um póster os retratos dos membros da banda, sendo que 2LPs são compostos pelas Esher Demos.

 

 

CONFIRA TODA A DISCOGRAFIA DOS THE BEATLES NAS LOJAS ONLINE:

FNAC PORTUGAL

AMAZON INTERNACIONAL

AMAZON REINO UNIDO

LIVRARIA CULTURA

SARAIVA

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
AdobeStock

Partilhar este artigo

Comentários

  • Avatar
    FRANCISCO XAVIER DA COSTA AGUIAR
    06 November, 2018

    Parabéns pelo post, Gonçalo.
    É sempre um prazer colher as informações produzidas pelo blog.
    Um grande abraço!!!

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *