Home / Lendas da Música /

Regresso ao Futuro: 50 Anos depois, White Album dos The Beatles

Regresso ao Futuro: 50 Anos depois, White Album dos The Beatles

Mídia Kit Blog Mundo de Músicas
 

Em novembro de 1968 milhões de duplos LPs foram entregues às lojas de discos antes do acontecimento musical mais esperado do ano: o lançamento, a 22 de novembro, de “THE BEATLES” (que ficou conhecido como “White Album”).

Na altura com o seu nono álbum de estúdio, os The Beatles iniciaram uma nova e entusiasmante viagem musical que ficou marcada por canções clássicas como “Back in the U.S.S.R.”, “Dear Prudence”, “While My Guitar Gently Weeps” ou “Don’t Pass Me By”, a primeira canção assinada por Ringo Starr num álbum do grupo de Liverpool.

Na verdade, “White Album” foi o primeiro álbum dos The Beatles lançado pela própria editora do grupo, a Apple Records. O álbum duplo tornou-se logo um êxito de vendas, que entrou diretamente para o 1.º lugar do top de vendas do Reino Unido, mantendo-se durante oito semanas na liderança.

White Album” também entrou para o n.º 1 da tabela de vendas dos EUA, onde se manteve durante 9 semanas. Nos EUA, o álbum conquistou 19 Galardões de Platina e no ano 2000 entrou para o Hall of Fame dos Grammys.

Durante 50 anos, o “White Album” convidou os ouvintes a aventurarem-se e a explorar a amplitude e a ambição da sua música, deliciando e inspirando novas gerações.

E agora a 9 de novembro os The Beatles lançam uma reedição especial de “White Album”. Os 30 temas do álbum foram novamente misturados pelo produtor Giles Martin e pelo engenheiro de som Sam Okell em stereo e 5.1 surround áudio, juntamente com 27 maquetes acústicas e 50 sessões de estúdio, a maioria delas nunca editadas até hoje.

Esta é a primeira vez que “THE BEATLES” (“White Album”) foi remisturado e apresentado com novas maquetes e gravações de estúdio.

Esta reedição sucede à aclamada reedição de “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”, de 2017. Para criar as novas misturas em stereo e 5.1 surround áudio de “White Album”, Martin e Okell trabalharam com uma equipa de engenheiros de som e especialistas em restauração áudio nos estúdios de Abbey Road.

Todos os lançamentos do novo “White Album” incluem a nova mistura em stereo de Martin, concebida a partir das gravações originais em fita. A nova mistura de Martin é guiada pela mistura em stereo original, produzida pelo seu pai, George Martin.

 

Veja o trailer para THE BEATLES (White Album)

 

 

COMPRE A REEDIÇÃO DO WHITE ALBUM NAS LOJAS ONLINE:

LIVRARIA SARAIVA

FNAC PORTUGAL

iTUNES

AMAZON.CO.UK

AMAZON.COM

 

Os lançamentos de “THE BEATLES” (“White Album”) incluem:

Super Deluxe:

 
  • CDs 1 & 2: a mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”);
  • CD 3: Esher Demos;
  • CDs 4, 5 & 6: 50 gravações adicionais de estúdio, a maioria inéditas, das sessões de “White Album”. Todas foram novamente misturadas a partir das gravações originais em fita e sequenciadas segundo a data de gravação;
  • Blu-ray: Mistura de 2018 do álbum em alta resolução PCM stereo; mistura do álbum em DTS-HD Master Audio 5.1; mistura do álbum em Dolby True HD 5.1; mistura em mono original do álbum

Deluxe:

  • A mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”) o 3CD com as Esher Demos. Também disponível numa caixa de edição limitada de 4 LPs de 180 gramas.

Standard 2LP:

  • A mistura em stereo de 2018 de “THE BEATLES” (“White Album”). Reprodução fiel do artwork original.

 

 

O artwork minimalista de “White Album” foi criado pelo artista Richard Hamilton, um dos principais nomes da pop art do Reino Unido.

A caixa Super Deluxe traz um livro de capa dura de 164 páginas, com reproduções dos retratos a cores de John, Paul, George e Ringo, bem como um póster com uma colagem de fotos de um lado e as letras do disco do outro lado.

O livro contém fotografias raras, reproduções das letras escritas à mão e anotações, fotos das folhas de gravação e a reprodução dos anúncios originais de “White Album”.

O livro contém ainda novos textos de Paul McCartney e Giles Martin e capítulos que detalham cada tema, bem como as sessões de gravação de “White Album”, a sessão fotográfica “Mad Day Out” de 28 de julho de 1968, o artwork do álbum, o lançamento do disco e a sua influência.

Os textos foram escritos pelo historiador dos The Beatles Kevin Howlett, pelo jornalista John Harris e pelo curador da Tate Britain Andrew Wilson.

A edição Deluxe de 3CD traz um póster e os retratos, um booklet de 24 páginas adaptado a partir do livro da edição Super Deluxe. A edição Deluxe de 4LP inclui um booklet de quatro páginas, um póster os retratos dos membros da banda, sendo que 2LPs são compostos pelas Esher Demos.

 

 

CONFIRA TODA A DISCOGRAFIA DOS THE BEATLES NAS LOJAS ONLINE:

FNAC PORTUGAL

AMAZON INTERNACIONAL

AMAZON REINO UNIDO

LIVRARIA CULTURA

SARAIVA

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
AdobeStock
 

Partilhar este artigo

Comentários

  • FRANCISCO XAVIER DA COSTA AGUIAR
    06 November, 2018

    Parabéns pelo post, Gonçalo.
    É sempre um prazer colher as informações produzidas pelo blog.
    Um grande abraço!!!

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *