Home / Archives /

Reviews de Álbuns

Reviews de Álbuns / 22 posts encontrados

prendas de natal

10 álbuns para dar como prendas de Natal e celebrar 2015

Se está à procura de uma prenda para dar a um amigo, pais, filhos ou até mesmo a um sobrinho ou afilhado, porque não oferecer-lhe um álbum de música? Neste post, fizemos uma seleção de 10 álbuns de música, incluindo alguns daqueles que foram os maiores êxito do ano. Saiba aqui quais são as nossas sugestões!
betho wilson

Betho Wilson exalta a Bahia e critica as mazelas do sistema em novo disco

É provável que grande parte dos nossos leitores ainda não conheça o trabalho do artista brasileiro Betho Wilson; mas deveria. Dono de uma voz marcante e autor do ótimo registro Lá Eles Infinito (2013), o músico retorna em grande estilo com o EP Pássaro Preto. Inspirado principalmente pelas belezas naturais e pelo povo da Bahia, o disco conta com 13 faixas e foi lançado no dia 8 de dezembro. Ouça na íntegra neste post.

CHVRCHES: O elixir da juventude revivalista

O “hypizado” segundo disco dos CHVRCHES, Every Open Eye, é um álbum de Synth Pop onde habilmente cruzam o passado e o presente, sem vontade de correr riscos com o futuro. É como saltar na corda bamba de rede e pára-quedas. Conheça, neste post, a opinião do Vasco Espinheira a este álbum e aquilo que achou de cada uma das faixas de Every Open Eye.

Paula Cavalciuk: versatilidade musical e letras de impacto marcam estreia

A artista paulista Paula Cavalciuk liberou para audição o seu ótimo EP de estreia, intitulado Mapeia. O disco da cantora, que tem sido destaque em diversos veículos de expressão do Brasil, é marcado por quatro faixas que mesclam géneros: rock, MPB, blues, jazz e até mesmo samba e sertanejo raiz. Mapeia conta com quatro canções e foi disponibilizado gratuitamente na web. Você pode fazer download gratuito do registro, da arte e das letras dentro deste artigo.
jack white

A Sociedade secreta de Jack White, The Kills e Queens of the Stone Age

Ao ouvir Dodge and Burn dos Dead Weather compreende-se uma das razões que levaram ao fim dos White Stripes. Jack White é definitivamente um enorme baterista preparado para surpreender-nos com toda a sua entrega à procura da batida perfeita.

Segundo: Maria Rita num disco segundo ela própria

Lançado no ano de 2005, Segundo foi – passando a redundância - o segundo álbum da brasileira Maria Rita. O disco tem produção da própria cantora em parceria com o músico Lenine, os arranjos são seus com Tiago Costa e o trabalho também conta com a participação dos músicos Sylvinho Mazzucca e Cuca Teixeira.

Gisela João: a voz do fado que, sendo nova, já é gigante

Em 2013, nos corredores do fado onde já se moviam grandes e novas vozes, surgia uma figura pequenina como a sardinha. Com sotaque do norte, punha o xaile de lado e agigantava-se naturalmente para interpretar um género que, sendo velho, sempre se conseguiu reinventar. Chamava-se Gisela João, tinha uma voz crua, pouco polida e sem grandes artifícios.
james blake

Overgrown: James Blake cresceu e a sua música também

No seu álbum de estreia, James Blake canta algumas músicas originais a par com covers de outros artistas, nomeadamente A Case of You de Joni Mitchell. O seu verdadeiro potencial só se viria a revelar com Overgrown, dois anos mais tarde. Após muita preparação ao lado de produtores como Kanye West, RZM e Brian Eno, chega um álbum mais maturo composto inteiramente por músicas originais.

Eagles of Death Metal: causa mortis, Death By Sexy

Frequentemente descritos como "o segundo projeto de Josh Homme”, os Eagles of Death Metal são o resultado de uma antiga amizade entre o também vocalista dos Queens of the Stone Age e Jesse Hughes. Juntos, os dois músicos norte-americanos decidiram criar um novo projeto que acabou por surgir de forma natural e bem-humorada.