Home /

Article

Arquivos / 50 post/s encontrados

Haarm no Hard Club: Pop melódica de atmosferas vagas e coloridas

Foi uma noite, inesperadamente, excelente. Boa música, excelente ambiente, muita conversa e no fim… começou a festa! Bem, foi um autêntico bailarico! Com Chris McIntosh na guitarra, Jen Davies nos teclados e Olly Gorman na bateria, os Haarm conquistam pela beleza das canções e pelos ambientes atmosféricos que conseguem criar, em que a dupla vocalização (Chris e Jen) empresta algo de muito substancial à sonoridade dos britânicos.

Toy na Casa da Música: Embalo em tensão rumo à felicidade

Com álbum novo na bagagem, os ingleses Toy passaram pelo Porto e, uma vez mais, não defraudaram. Happy in the Hollow é o nome do mais recente longa-duração da banda, o quarto da carreira iniciada em 2010, e os seus temas foram a base do embalo em constante tensão que foi a noite na Sala 2 da Casa da Música.

Monday no Teatro Constantino Nery: Voz com carácter em música delicada

Chama-se Catarina Falcão, mas apresenta-se ao público como Monday. No Teatro Municipal Constantino Nery, em Matosinhos, fez-se acompanhar por “três amigas” e, para além de apresentar o seu disco de estreia, intitulado One (2018), polvilhou o concerto com uma série de temas de outros músicos (e que músicos!), numa espécie de pós-celebração do Dia de S. Valentim, que se assinalara na véspera.

In2TheSound no Hard Club: Porto celebrou Adrian Borland e The Sound

O ano de 2019 marca duas décadas que Adrian Borland deixou o reino dos vivos. Falo-vos deste génio atormentado porque o Porto reviveu e celebrou apaixonadamente a sua existência e, em especial, a sua música, imortalizada, essencialmente, pelo que fez com os The Sound.

The Saxophones no Hard Club: A magia das canções de embalar… a alma

De volta a local suspeito de proporcionar momentos de fruição inesquecíveis, Jorge e Joana entraram no Hard Club com diferentes convicções sobre o concerto dos The Saxophones, cujas canções remetem para um universo algo intemporal e bastante melancólico.

Por entre a borrasca da Leslie e o vendaval de rock sussurrante

A noite prometia… Borrasca no exterior e som de elevado quilate no interior. Whispering Sons e The Soft Moon era um programa bem melhor do que a ventania e a chuva que engrossavam o séquito que acompanhou a transexual Leslie.

Mão [email protected] 2018: De tapete voador por um frio que ainda está por sentir

Guimarães. Dia 7 de Setembro de 2018. Anfiteatro natural no exterior do Centro Cultural Vila Flor. Primeiro dia da edição 2018 do Festival Manta. Foi o momento de catarse para todas as almas atormentadas que gostam de Mão Morta e ali assistiram a um concerto de fino recorte.

Soft Science no Hard Club: Dream pop em ambiente altamente suspeito

Tinham descoberto os Soft Science por acaso e… gostaram! E gostaram tanto que pesquisaram outro tanto e descobriram que a banda norte-americana ia tocar ao Porto. A verdade é que não suspeitaram de nada até chegarem ao Hard Club, no Porto, e acharem aquilo tudo altamente suspeito.

NOS Alive!2018: A avalancha QOTSA e o mergulho na alma negra de Reznor

Após um período de reflexão, o Pedro Vasco Oliveira apurou o que foi digno de memória no NOS Alive!2018. «O melhor cartaz. Sempre» é o lema há muitos anos do festival Alive! e a edição de 2018, diga-se em abono da verdade, esteve uma vez mais à altura do mote que ano após ano traz grandes nomes até ao Passeio Marítimo de Algés.